in

Homem implora para ser preso por não aguentar mais convívio com sua mulher

Quando o protagonista dessa história se apresentou aos policiais e pediu, sem rodeios, para ser preso por seus problemas conjugais, os agentes inicialmente pensaram que era uma piada. Na verdade, quem faria tal pedido?

No entanto, a situação familiar deste homem havia se tornado tão insuportável que ele decidiu chegar a esse ponto.

Ele achou que era melhor ir para a cadeia do que ficar discutindo com sua esposa dia após dia, e é por isso que, embora estivesse em prisão domiciliar, ele pediu especificamente à polícia que o fizesse sair de casa.

Aconteceu na Itália, perto de Roma, e o detido que causou polêmica por causa de seu pedido incomum é um albanês de 30 anos.

Certamente não é todo dia que alguém é levado a pedir tal coisa: geralmente, acabar na prisão não é a maior aspiração de uma pessoa, especialmente se ela teve a sorte de poder cumprir sua pena.

Nesse caso, as coisas aconteceram de forma diferente. O homem saiu de casa e dirigiu-se ao quartel dos fuzis, onde disse sem hesitar: ” Não aguento mais, prefiro ir para a cadeia “.

“Minha vida em casa virou um inferno, ele se justificou. Não aguento mais, quero ir para a cadeia”.

Estas são as palavras relatadas pela polícia italiana ao falar à imprensa sobre este curioso caso: “Ele já não aguentava mais a coabitação forçada com a mulher e exasperado com a situação, preferiu fugir, pedindo espontaneamente para cumprir a pena atrás das grades”, disseram os policiais.

A polícia não pôde ignorar seu pedido, pois o homem havia de fato fugido da casa. Ele foi imediatamente preso, acusado do crime e transferido para a prisão.

Missão cumprida, pode-se dizer, refletindo sobre uma situação reconhecidamente paradoxal. Não sabemos as causas precisas que levaram este prisioneiro a ir tão longe, mas esperamos, de qualquer forma, que com um pouco de distância forçada, as coisas corram bem para ele e para a sua mulher.

Escrito por Paulo Freitas

Jornalista sempre em busca da informação, movido pelo universo curioso e antenado em temas de saúde.